Beleza

Risque oito erros da rotina e melhore sua vida sexual


Dizem que no sexo não há regras, no entanto, existem atitudes que podem ser consideradas prejudiciais, e que atrapalham tanto o seu desempenho quanto o prazer. Descubra oito erros que você comete e precisa abandonar já para aproveitar o melhor da relação.

APOSTAR SEMPRE NA MESMA POSIÇÃO

Não tem problema preferir uma determinada posição, o hábito passa a ser ruim quando ele vira uma constante e não deixa espaço para mudanças. “Pode virar rotina, uma hora enjoa e o sexo fica muito igual e sem motivação. A RELAÇÃO VAI ENTRANDO NAQUELE RITMO AUTOMÁTICO, ENTÃO É BOM VARIAR ÀS VEZES PARA TER O GLAMOUR DA NOVIDADE”, explica a sensual coach FÁTIMA MOURA.

NÃO DIZER O QUE VOCÊ GOSTA

Dizer o que você gosta, e o que não te excita, é muito importante em um relacionamento, isso porque permite um maior conhecimento entre o casal e até facilita o orgasmo. “É UM DOS PRINCIPAIS ERROS ACHAR QUE O OUTRO VAI ADIVINHAR, e as mulheres fazem muito isso pensando que o homem vai perceber. Tem que dizer ou mostrar o que gosta”, aponta.

SEXO COM HORA MARCADA

Vocês só fazem sexo em determinado momento do dia? Cuidado, porque isso pode acabar criando uma rotina difícil de quebrar, e limitar demais o ato. “SEXO COM AGENDA MARCADA É COMO SE VOCÊ ESTIVESSE CUMPRINDO UM SCRIPT, VIRA ALGO QUE PARECE OBRIGAÇÃO E NÃO PRAZER. Tudo que não é programado acaba sendo mais bacana para o casal, e costumo dizer que se preparar e se programar são coisas diferentes. É preciso se abrir e curtir o sexo em momentos diferentes”, indica.

SEMPRE ESPERAR A INICIATIVA DO OUTRO

É muito comum esperar que o par tome a iniciativa na relação, no entanto, isso não é bom para nenhum dos lados: “É um equívoco grave, principalmente hoje em dia com a independência da mulher moderna. PARA O PAR FICA PARECENDO QUE VOCÊ NÃO TEM INTERESSE, JÁ QUE ELE PRECISA FAZER TUDO. E outra: isso acaba criando um comportamento de sempre ser do jeito que ele quer, já que só ele comanda a situação”.

SEGUIR CONSELHOS CEGAMENTE

Pedir um conselho sexual para a amiga ou se inspirar naquele filme que você adora podem ser ótimas pedidas, mas é preciso avaliar se isso realmente combina com a sua personalidade e se te deixa confortável. “ACEITAR DICAS QUE NÃO TEM NADA A VER COM VOCÊ E FAZER ALGO PORQUE ALGUÉM TE DISSE PARA FAZER É RUIM E A CHANCE DE DAR ERRADO É GRANDE. Às vezes elas nem gostam do que vão tentar e fazem só para agradar o outro, e acaba que não curtem o sexo tanto quanto deveriam. Tente coisas novas, mas dentro dos seus limites pessoais”, aconselha.

NÃO SE CONHECER NA CAMA

Conhecer o próprio corpo é o primeiro passo para curtir o momento a dois, e, claro, facilitar o orgasmo. “NÃO SE CONHECER SEXUALMENTE E NÃO SABER SEUS LIMITES E PREFERÊNCIAS É MUITO GRAVE e um dos maiores motivos pelos quais o sexo feminino não atinge o orgasmo. Elas não sabem o que fazer ou como gostam de serem tocadas”, alerta.

REPRIMIR SUAS VONTADES

Você deixa de provar aquele toque ou experiência que tem muita vontade por vergonha? Então é hora de se soltar: “NÃO FAZER POR MEDO OU PELO QUE O OUTRO VAI PENSAR TE LIMITA TOTALMENTE NO SEXO. Precisa existir um exercício diário de se desprender, não se colocar muitas normas ou se controlar demais. Quem fica se preocupando muito com o que o outro vai achar não vivencia e nem sente o momento”.

NÃO TER UM TEMPO AGRADÁVEL A DOIS

É frequente que casais com filhos acabem perdendo um pouco do tempo sozinhos, no entanto, tentar tirar um dia só para vocês é a melhor maneira de renovar o romance. “Não deixe as crianças dormirem sempre na cama de vocês e tire um dia na semana para fazerem algo que gostem juntos. AS PESSOAS SE ESQUECEM QUE O SEXO NÃO ESTÁ SÓ NO ATO, ELE TAMBÉM MORA NO ANTES E NO DEPOIS, deve ir além da cama e ter o jogo de sedução e o romantismo”, diz.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.